Fonsatti Advogados Associados - 23/10/2017

INFORMAÇÕES SOBRE SEU CLIENTE

Por: Dr. Ruy Fonsatti Junior - OAB/PR 24.841

A inadimplência é sem sombra de dúvidas um dos grandes entraves do crescimento econômico. Esse retrocesso, não raras vezes, gera até mesmo o fechamento de empresas, fato de conseqüências desastrosas como desemprego, demandas trabalhistas, acumulo de dívidas, etc.

Em razão desse panorama, que não é novo, tenho insistido na questão primordial da relação consumidor/fornecedor que é primeiro contato, ou seja, quando o cliente adquire o produto e pede para pagar através de concessão de crédito. É nesse momento que a relação deve ser bem estruturada.

Inadmissível acreditar que nos dias atuais algumas empresas, principalmente as que se dedicam ao ramo do comércio, deixem de realizar o tão conhecido cadastro do seu cliente a quem está fornecendo o crédito. É obvio que este documento, por si só, não lhe garantirá o pagamento da dívida, mas já de início irá afastar o consumidor que pretende adquirir o bem e deixar de pagar o preço do mesmo.

Pesquisas mostram que mais de 70% dos golpes aplicados no comércio não seriam realizados se fossem exigidos vários documentos dos golpistas no momento da venda a prazo. Só por este motivo o cadastro bem feito já serviria de fundamento para uma venda a crédito.

Mas não é só. A inadimplência também advém de outros fatores, entre estes problemas imprevisíveis ocorridos com o cliente/consumidor, e somente irá receber a dívida o empresário que detiver informações sobre o devedor, a exemplo de onde trabalha, quanto recebe, onde reside, quem detém informações sobre ele, quanto tempo reside na cidade, etc. De posse se tais dados poderá o empresário exercer seu direito regular de inscrever a dívida no SCPC, cobrar a mesma na Justiça ou até mesmo perante a ARBITRAT. Contudo, em todas estas situações terá que ter informações precisas sobre seu cliente para poder correr atrás deste prejuízo.

Como visto, além de um bom produto, bons vendedores e bom preço, o empresário moderno deve ter precisas informações sobre seu cliente para se precaver de eventuais prejuízos e se manter competitivo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS